Veja fotos de Thaísa

Thaísa

Um dos principais nomes do vôlei feminino da atualidade, a meio-de-rede Thaísa pode dar um tempo da seleção brasileira. Apesar de não querer tomar uma decisão precipitada, a atleta cogita se afastar da equipe nacional por um ano para descansar.

“Eu penso (em parar um ano), mas eu vou ver isso quando estiver chegando o meio da Superliga, verei como estarei. Se eu estiver me sentindo bem fisicamente, não há necessidade, mas se eu tiver muito cansada, eu acho que talvez faça isso”, disse Thaísa.

Bicampeã olímpica em Pequim 2008 e Londres 2012, a meio-de-rede é presença frequente na seleção desde 2006, quando faturou ouro da Copa Pan-Americana. De lá para cá, a atleta tem, entre outras conquistas, dois ouros no Grand Prix, em 2008 e 2009, e no Jogos Pan-Americanos de Guadalajara em 2011.

Mas, Thaísa deixa claro que sua intenção é apenas descansar. O projeto dela, que está com 25 anos, é defender o Brasil nas Olimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016, onde ela poderá se consagrar tricampeã olímpica.

“Eu acho que ainda tem um tempinho para frente, mas querendo ou não fica esse pensamento, imagina, eu tri em casa. Então, se eu tiver bem fisicamente, tiver em condições de ajudar a equipe, para mim será ótimo, vou com muito prazer”, afirmou.

Em seus braços, Thaísa traz as marcas de suas conquistas olímpicas. No direito, ela tem uma tatuagem de Londres. No esquerdo, de Pequim. Mas, se ganhar no Rio, ela ainda não sabe onde fará a terceira marca. “Não sei ainda, não pensei”, finaliza a atleta aos risos.

Apesar de sonhar com tri-olímpico, Thaísa cogita pausa de um ano na seleção de vôlei

Sem mais artigos