O atacante Falcao García pediu nesta quarta-feira cautela aos torcedores colombianos, entusiasmados com a subida da seleção do país do sexto para o segundo lugar nas Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014 nos últimos dias, e lembrou que ainda há dez rodadas a serem disputadas.

A Colômbia goleou o Uruguai por 4 a 0 no sábado passado, em Barranquilla, e na última terça-feira venceu o Chile por 3 a 1 de virada fora de casa. Apesar dois seis pontos obtidos, o centroavante do Atlético de Madrid destacou que é preciso manter os pés no chão.

“Temos que ser um pouco mais cautelosos porque não conseguimos nada. As Eliminatórias são longas e não podemos pensar além de 12 de outubro, quando enfrentaremos o Paraguai. Temos que pensar em jogar cada jogo como se fosse o último, e tentar ganhar”, declarou o atacante.
Autor de dois gols nessas duas partidas, Falcao considerou que grande parte do mérito pela ascensão da equipe é do técnico José Pekerman.

“É um treinador muito próximo aos jogadores, que transmite muita confiança, apoia, e vive intensamente o futebol. Sabe lidar psicologicamente com o adversário, e isso pode fazer diferença neste tipo de campeonato, nestas Eliminatórias que são tão difíceis”, exaltou.

O atacante manifestou seu desejo de continuar bem na Europa, acreditando que assim poderá levar a imagem de seu país para todo o mundo.

“Os colombianos que estão na Europa lutam para abrir espaço e demonstrar que o futebol colombiano está muito capacitado. Mas é preciso continuar evoluindo”, finalizou.

Sem mais artigos