A entrada do peruano Paolo Guerrero, do Hamburgo, no goleiro Sven Ulreich, do Sttutgart, pode dar mais dor de cabeça do que esperava o atleta.

Wilhelm Moellers, promotor de justiça da cidade de Hamburgo, afirmou que autoridades locais estão analisando denúncias de torcedores do clube. Caso elas aceitem, o atleta será julgado no âmbito criminal, podendo ser preso por agressão.

A princípio, o peruano havia sido punido com oito jogos de suspensão. A partida, válida pela 24ª rodada do torneio, acabou 4 a 0 para o Sttutgart.

Atacante do Hamburgo pode ser preso por entrada violenta em adversário

Sem mais artigos