O novo técnico da França, Laurent Blanc, pode não convocar nenhum dos 23 jogadores que participaram da péssima campanha da seleção do país na Copa do Mundo da África do Sul para seu primeiro jogo à frente da equipe, como punição pela greve que fizeram durante o Mundial, segundo o jornal esportivo “L’Équipe”.

De acordo o jornal, o técnico vai propor esta medida durante reunião do Conselho da Federação Francesa de Futebol (FFF), nesta sexta-feira, para “fechar definitivamente a página sul-africana”.

Assim, a lista para o primeiro jogo de Blanc como técnico, um amistoso contra a Noruega no próximo dia 11, seria formada apenas por jogadores que ficaram fora da lista de Raymond Domenech para o Mundial.

Segundo o “L’Équipe”, para Blanc esta medida seria “espetacular” para “mostrar uma autêntica autoridade à frente da seleção nacional” perante a opinião pública antes do início das eliminatórias para a Eurocopa de 2012.

O atacante Karim Benzema, que não esteve no Mundial, também deve ficar fora da lista por conta da investigação de envolvimento com uma prostituta menor de idade (assim como o meia Franck Ribéry, que disputou a Copa).

“Não vejo como um jogador acusado pode ser convocado pela equipe da França”, afirmou Fernand Duchaussoy, que durante a reunião do Conselho será designado presidente interino da FFF.

Está prevista uma reunião tensa, já que os membros do Conselho deverão se pronunciar sobre possíveis punições aos jogadores franceses que participaram do Mundial, assim como sobre o caso de Ribéry e Benzema.

Depois da renúncia do agora ex-presidente da FFF, Jean-Pierre Escalettes, no último dia 16, foi criada uma comissão de investigação para esclarecer o que ocorreu exatamente durante o motim dos jogadores – com Nicolás Anelka no centro das críticas.

A publicação dos resultados dos trabalhos desta comissão está prevista para o mês de agosto.
Além disso, durante a reunião, Laurent Blanc apresentará sua nova equipe técnica para dirigir os “bleus”, com os também ex-jogadores Jean-Louis Gasset e Alain Boghossian como auxiliares.

Blanc plenaja deixar jogadores que disputaram a Copa de fora da 1ª convocação da França

Sem mais artigos