O presidente da Fifa, o suíço Joseph Blatter, manifestou nesta quinta-feira sua solidariedade ao povo neozelandês e sua tristeza por conta do terremoto que na terça-feira assolou a cidade de Christchurch, matando pelo menos 100 pessoas e deixando cerca de 200 desaparecidas.

“Estou acompanhando com tristeza as notícias da terrível tragédia sofrida pelo país. Quero expressar minha solidariedade e meu sentimento de pesar ao povo da Nova Zelândia e à comunidade futebolística da nação”, escreveu Blatter em carta envidada aos presidentes da Associação Neozelandesa de Futebol (NFF), Frank van Hattum, e da Confederação de Futebol da Oceania (OFC), David Chung.

“Em nome da Fifa, desejo dar todo o apoio moral e comunicar-lhes que nossos pensamentos estão com as vítimas, com os feridos e com seus familiares”, finalizou.

Sem mais artigos