O Botafogo inicia nesta quinta-feira uma campanha de valorização de sua marca, ação chamada de “ativação” pelos marqueteiros de plantão.

A ideia do clube é fazer com que a camisa 7, importalizada por Mané Garrincha, maior jogador da história do clube, seja vinculada ao clube através do projeto “7 é Fogo”.

Para isso, em todo o dia 7 de cada mês até o final do ano, serão realizadas sete ações para “fortalecer nossa relação com a torcida, aumentando sua autoestima, além de gerar o interesse das crianças por nossa marca e pelos nossos valores é a razão de ser de nossas ativações”.

Para esta primeira ação, serão realizadas campanhas com taxistas, que receberão ingressos grátis para a estreia do clube no Brasileirão contra o Santos, e o chamado “Kit Boa Praça”, composto por brindes para o carro anunciando o programa de sócio-torcedor do clube que podem:

– Render mais ingressos grátis;
– Uma camisa retrô de Garrincha;
– Um programa de TV apresentado pelo humorista Marcelo Adnet;
– Descontos de 7% na loja oficial do clube aos compradores que estiverem trajados com qualquer camisa 7 oficial;
– Almoço com o ex-jogador Maurício, autor do gol que encerrou a fila de 21 anos sem títulos do clube em 1989;
– Uma carreta com atrações relacionadas ao clube e visita de Maicossuel, chamado “legítimo representante da dinastia da camisa 7” a uma escola na Gávea.

Botafogo quer "se apropriar" da camisa 7 no futebol

Sem mais artigos