Há cerca de um mês, a marca de roupas e agora também de matérias esportivos Lupo inovou ao lançar a camisa do Divino Futebol Clube, equipe de futebol fictícia da novela Avenida Brasil, da Rede Globo. Com preço fixado em R$149, o adereço chegou às lojas como uma grande incógnita. Porém, o sucesso da trama se refletiu nas vitrines e, em apenas 15 dias de venda, a peça chegou a casa de 2 mil modelos comercializados.

Se o número surpreende por se tratar de um time que “não existe”, a surpresa é ainda maior se compararmos a quantidade de peças vendidas do Divino com as camisas comercializadas pela Portuguesa, por exemplo.

Segundo dados divulgados pela Lupo, que também confecciona o uniforme da equipe rubro-verde do Canindé, a Portuguesa vendeu 10 mil camisas nos nove meses de 2012. Ou seja, uma média de 500 peças a cada 15 dias.

Vale ressaltar que, atualmente, a camisa da Portuguesa feita pela Lupo, lançada em janeiro deste ano, já pode ser encontrada nas lojas da marca por R$ 99,90.

Em 11º lugar no Campeonato Brasileiro com 29 pontos, sete a mais que o Sport, primeiro clube na zona de rebaixamento, fica a dúvida se a torcida da Portuguesa animaria ter como reforços em seu time Leandro, Iran, Jorginho e Roni, personagens da trama global que atuam no Divino Futebol Clube.

*Todos os números citados na matéria foram divulgados pela Lupo

Camisa do Divino Futebol Clube tem média de vendas superior a da Portuguesa

Sem mais artigos