As grandes atuações de Lucas no começo desta temporada já acenderam a luz amarela no São Paulo. Com um aumento de salário grande e uma multa rescisória de R$ 180 milhões, o jovem terá Paulo César Carpegiani no seu pé para ele não se deslumbrar com a nova realidade.

“O grande jogador, 99% deles, é humilde por natureza. Sabe da sua capacidade e das suas condições. Temos de ter cuidado, tenho cobrado dele. Eu e todos do São Paulo vamos ter carinho, mas sem passar a mão na cabeça. Ele é apenas um menino ainda e é preciso ter cuidado”, afirmou Carpegiani.

Além de avisar que vai cuidar do garoto, o treinador lembrou de Adriano que foi revelado para o futebol pelo técnico e hoje vive momentos difíceis em sua carreira.

“No Flamengo, estávamos fazendo um treino e eu tinha uma dificuldade para montar o time sem centroavante. Jogamos contra o time juvenil e o Adriano me chamou a atenção. Resolvi levá-lo para um jogo contra o São Paulo, no Morumbi. Com 20 minutos do primeiro tempo, perdíamos por 2 a 0 e eu coloquei o garoto. Ele marcou dois gols, teve ótima atuação e vencemos por 5 a 2. Assim nasceu Adriano. Hoje, eu lamento tudo que está acontecendo na carreira dele, porque não tiveram cuidado com ele. Acho que com o Lucas não vai acontecer isso”, completou.

Sem mais artigos