O presidente da Associação Nacional de Futebol Profissional (ANFP) do Chile, Sergio Jadue, anunciou neste sábado (24) um acordo com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para que o Chile seja a sede da Copa América de 2015.

“Com emoção e alegria, tenho orgulho de anunciar que o Chile receberá a 44ª Copa América. Em 2015 será no nosso país e em 2019 será no Brasil. Organizaremos uma Copa América muito boa e esperamos deixá-la em casa, vencê-la”, disse Jadue, na coletiva de imprensa.

O acordo foi fechado na última sexta-feira, quando Jadue esteve reunido com José Maria Marin, o novo presidente da CBF. Na própria casa de Marin, um documento foi assinado oficializando a troca de sedes.

O Chile seria responsável pelo evento apenas em 2019, mas preferiu trocar, já que o Brasil será sede da Copa das Confederações em 2013, da Copa do Mundo em 2014 e das Olimpíadas no Rio em 2016. Também em 2015, o Chile será sede do Mundial Sub-17 da Fifa.

Sem mais artigos