Vencedor do prêmio Nocaute do Ano no World MMA Awards na última sexta-feira (07), o brasileiro Vitor Belfort faturou mais um prêmio internacional no final de semana por conta do seu desempenho no octógono no ano passado. O lutador superou astros como LeBron James e Serena Williams e ficou com o troféu da premiação que enaltece os maiores feitos atléticos de 2013, levando em consideração os critérios científicos.

Organizado pelo programa de TV Sports Science, a premiação Sports Science Newton Awards consagrou Belfort pelo chute desferido em Luke Rockhold em maio do ano passado na categoria Greater Than. De acordo com a pesquisa do programa, o golpe do brasileiro a impressionante velocidade angular de 700 graus por segundo, feito atlético que superou o toco de LeBron James em Tiago Splitter no jogo 2 das finais da NBA, realizado com menos de 0,05s de tempo de reação, e que a vitória de Serena Williams sobre Carla Suarez Navarro nas quartas de final do Aberto dos EUA, por duplo 6-0, em menos de uma hora.

“Eu fico muito feliz e honrado com essa premiação. Quero agradecer a Deus, à minha família e a todos que me apoiam e ajudam de alguma forma. Um prêmio desses me faz ganhar muita confiança e mais vontade ainda de vencer. O trabalho não pode parar. Vou continuar me preparando demais para as vitórias. Não tem outro caminho para se chegar até elas sem os treinos. Agora, é dedicação total”, discursou Vitor Belfort, através de sua assessoria de imprensa.

Além de LeBron James e Serena Willias, o running back Andre Williams, do time universitário de futebol americano Boston College, que gerou mais de 1.500 libras (680kg) de força ao derrubar um defensor de Maryland em uma jogada, e o pivô DeAndre Jordan, do Los Angeles Clippers, que gerou 1.400 libras (635kg) de força ao enterrar uma bola sobre Brandon Knight, do Detroit Pistons, na NBA, também estiveram na disputa vencida por Vitor Belfort.

Focado no UFC 173, marcado para o dia 24 de maio, em Las Vegas, Belfort terá pouco menos de quatro meses para se preparar para o duelo contra Chris Weidman, valendo o cinturão dos pesos-médios do Ultimate.

Sem mais artigos