A quebra de um jejum de 52 anos sem medalha olímpica, alçou a mesa-tenista Tianwei Feng ao posto de heroína nacional em Cingapura, bronze na categoria individual feminina, nesta quarta-feira.
“Estamos todos orgulhosos de você”, afirmou o primeiro-ministro Lee Hsien Loong, em mensagem dirigida a atleta, que foi reproduzida pelos principais jornais do país.

O curioso é que a atleta, de 25 anos, não nasceu em Cingapura. Feng se naturalizou em 2008, já que é natural de Harbin, na China.

Por ganhar a medalha de bronze, depois de vencer a japonesa Kasumi Ishikawa, Feng receberá prêmio de US$ 200 mil (mais de R$ 405 mil), estabelecido pelo programa de incentivos criado pelo Governo para recompensar os atletas que obtenham sucesso em competições internacionais.

A última vez que uma atleta de Cingapura ganhou uma medalha olímpica foi em 1960, nos Jogos de Roma. Tan Howe Liang conquistou a prata no levantamento de peso. 

Sem mais artigos