Foram esgotados em apenas três horas os primeiros 20 mil ingressos colocados à venda para o jogo entre Argentina e Uruguai, válido pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2014, que será disputado no 12 de outubro, em Mendoza.

A possibilidade de ver Lionel Messi, Ángel Di María e Gonzalo Higuaín com a camisa da seleção da casa, e Diego Forlán, Luis Suárez e Edinson Cavani com a celeste, no famoso clássico do Rio da prata, fez os argentinos respirarem desde já o ambiente da partida.

As entradas foram vendidas através da internet, sistema que entrou em colapso devido ao interesse dos torcedores. Quando se esgotaram, os cambistas entraram em ação aumentando o preço dos bilhetes.

Os preços oficiais para a partida que será realizada no estádio Malvinas Argentinas variaram de 390 pesos (R$ 170) a 500 pesos (R$ 217), e os cambistas agora oferecem os ingressos na internet por um valor entre mil pesos (R$ 434) e 1,4 mil pesos (R$ 608,5).

Membros da Câmara dos Deputados de Mendoza exigiram que os responsáveis pela agência de venda de ingressos Ticketek expliquem a metodologia e as características de vendas pela internet, após protestos de torcedores através da imprensa.

Cerca de 22 mil ingressos de 90 pesos (R$ 39), considerados populares, serão colocados à venda na próxima sexta-feira, apesar de já existirem alguns anúncios não oficiais de que serão vendidos a 290 pesos (R$ 126).

Sem mais artigos