Jordan Leopold foi contratado pelo Minnessota Wild, tudo por causa da saudade que sua filha sentia

Jordan Leopold foi contratado pelo Minnessota Wild, tudo por causa da saudade que sua filha sentia

Se você acha que habilidade e dinheiro são os únicos motivos para contratar um jogador, o hóquei hoje vai te dar uma lição daquelas que restauram sua fé na humanidade. Preparem os lencinhos, amigos!

Todo mundo sabe o quanto saudade dói no coração de quem sente, certo? E todo mundo sabe que ver uma criança sofrendo de saudades do próprio pai é de cortar o coração, né não? A diretoria do Minessota Wild concorda com a gente e contratou Jordan Leopold por um único motivo: sua filha não aguentava mais de saudades.

Jordyn Leopold, de apenas 11 anos, escreveu uma extensa carta para os técnicos do time de Minneapolis pedindo encarecidamente que seu pai fosse contratado, já que ele estava jogando por um time de Columbus, o Columbus Blue Jackets, que fica a cerca 12000 km da cidade e que mora a pequena Jordyn.

“Bom, meu pai está muito solitário sem a sua família. Nós vivemos em Minnesota e estou perdida sem o meu pai ao lado da minha mãe, do meu irmão e das minhas duas irmãs. Meu pai está em um time com caras jovens e muito sozinho. Ele não está jogando porque os Jackets não precisam de um defensor. Tem sido assim desde novembro, e nós não aguentamos mais. O Wild não tem ganhado jogos, e vocês, amados treinadores, devem ser os mais interessados nisto, porque o time precisa de defesa. Então vocês podem, por favor, por favor, por favor, tentar contratá-lo dos Jackets”, dizia a carta da lindinha. Você acha que alguém conseguiria dizer não?

Na última segunda-feira foi firmado o contrato entre o Minnessota Wild e Jordan Leopold, de 34 anos. Agora ele vai poder curtir muito mais tempo com sua filha, e sua filha vai curtir mais ainda ter o pai finalmente por perto.

Sem mais artigos