Depois de nove anos de ausência, o Brasil finalmente estará no Grupo Mundial da Copa Davis de tênis em 2013 após ter fechado neste sábado o confronto de repescagem diante da Rússia com uma vitória no jogo de duplas.

Com grande apoio da torcida no Harmonia Tênis Clube, em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, Marcelo Melo e Bruno Soares venceram Alex Bogomolov Jr. e Teimuraz Gabashvili por 3 sets a 0, com parciais de 7-5, 6-2 e 7-6(7). Na sexta-feira, nas partidas de simples, Rogerio Dutra Silva derrotou Igor Andreev, e Thomaz Bellucci levou a melhor sobre o próprio Gabashvili.

O triunfo diante dos russos representa uma revanche da repescagem de 2011, em que a equipe brasileira foi derrotada por emocionantes 3 a 2 em Kazan. Mais do que isso, coloca o país na elite pela primeira vez desde 2003, quando Gustavo Kuerten e companhia perderam por 3 a 2 para a Suécia na primeira fase e pelo mesmo placar para o Canadá nos playoffs pela sobrevivência.

A equipe da casa começou o jogo no interior paulista avassaladora e abriu 4 a 0 no primeiro set. No entanto, os brasileiros se desconcentraram e permitiram a reação dos russos, que devolveram as quebras no sexto e no décimo games. A segunda devolução foi confirmada em uma dupla falta de Bruno Soares.

Sem se abater, Melo e Soares conseguiram mais uma quebra já no game seguinte, confirmaram seu serviço em seguida e finalmente fecharam em 7-5.

O segundo set começou como o primeiro, e o Brasil abriu quatro games de vantagem, mas desta vez não houve espaço para reações. Os russos confirmaram o saque apenas duas vezes, não tiveram um break point sequer e foram derrotados por 6-2.

A Rússia enfim conseguiu sair em vantagem em um set, fazendo 1 a 0 no terceiro. A parcial foi disputada game a game, com as duplas confirmando todos os seus saques. No tie-break, Melo e Soares venceram por 9 a 7, fecharam o jogo e encerraram a espera que durou quase uma década.

Sem mais artigos