Carrasco de Neymar na Copa do Mundo, o lateral colombiano Zúñiga, do Napoli, foi convocado pelo técnico José Pekerman  para o amistoso contra o Brasil, no dia 5 de setembro, nos Estados Unidos. Ao lado de outros 23 jogadores, o colombiano, responsável pela joelhada nas costas que tirou o atacante do Barcelona do Mundial de 2014 a partida entre as duas seleções, pelas quartas de final, irá reencontrar o craque pela primeira vez após o incidente.

A joelha de Zúñiga causou uma lesão na terceira vértebra de Neymar, que precisou ficar quase três semanas em tratamento e tirou o atacante dos jogos contra  a Alemanha ( o famoso 7 a 1), pelas quartas de final, e contra a Holanda, na disputa pelo terceiro lugar.

Apesar de um possível clima de revanche entre Neymar e Zúñiga na partida, o próprio atacante do Barcelona já colocou panos quentes na situação e recentemente desafiou o colombiano, que aceitou o convite, para participar do Ice Bucket Challenge (Desafio do Balde de Gelo).

Além do lateral do Napoli, a nova lista de Pekerman tem como destaque o retorno de Falcao García, que esteve fora da Copa por causa de uma lesão. O artilheiro do Monaco retornou em grande estilo ao time francês, marcando gols embora a equipe tenha iniciado com duas derrotas no campeonato nacional.

Jamez Rodríguez, artilheiro da Copa do Mundo e novo camisa 10 do Real Madrid, é outro craque presente na lista colombiana para o amistoso contra o Brasil.

Confira a lista completa dos convocados colombianos:

Goleiros: Ospina (Arsenal/ING) e Vargas (Santa Fé); Defensores: Zapata (Milan/ITA), Balanta (River Plate/ARG), Valdés (Philadelphia Union/EUA), Armero (Milan/ITA), Zúñiga (Napoli/ITA) e Santiago Arias (PSV/HOL); Meio-campistas: Carbonero (Cesena/ITA), Aguilar (Toulous/FRA), Quintero (Porto/POR), Carlos Sánchez (Aston Villa/ING), Mejía (Atlético de Madrid/ESP), Cuadrado (Fiorentina/ITA), Ibarbo (Cagliari/ITA), Muriel (Udinese/ITA), Guarín (Internazionale/ITA), James Rodríguez (Real Madrid/ESP) e Aldo Ramírez (Atlas/MEX); Atacantes: Falcao García (Monaco/FRA), Jackson Martínez (Porto/POR), Bacca (Sevilla/ESP), Adrián Ramos (Borussia Dortmund/ALE) e Teo Gutiérrez (River Plate/ARG)

Sem mais artigos