Neste sábado (29) a canoagem encerra suas competições nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara com cinco finais. Na primeira delas, a dupla de Cuba, Dayexi Gandarela e Yulitza Menezes levou o quarto ouro do país na canoagem na história dos Pans, dessa vez na prova do K2 500 m. As brasileiras Naiane Pereira e Ana Paula Vergutz saem da competição mexicana sem medalhas. As canoístas ficaram na 6º posição na prova.

Em Guadalajara, a canoagem do Brasil está longe de atingir os resultados conseguidos no Rio 2007: seis medalhas. Até o momento, os brasileiros contabilizam duas medalhas neste Pan. O quarteto do K4 1000 m foi bronze e a dupla formada por Erlon Silva e Ronílson Rodrigues ficou com a prata no C2 1000 m, conquistando a vaga para as Olimpíadas de Londres, em 2012.

Ainda neste sábado, Nivalter de Jesus, medalhista de bronze no Rio, é esperança de pódio para o Brasil no C1 200 m. Edson Silva entra nas raias para a disputa da final do K1 200 m. O Brasil retorna às águas para buscar medalha na categoria K1 200 m, com a gaúcha Ariela Pinto. Para finalizar as provas da canoagem no Pan, os irmãos Gilvan e Givago Ribeiro buscam sua segunda medalha no México, na prova do K2 200 m.


Sem mais artigos