O Flamengo sofreu para vencer o América-MG, lanterna do Campeonato Brasileiro, no início de noite deste sábado, no Engenhão. O gol da vitória só veio aos 43 minutos do segundo tempo, com Thiago Neves, de cabeça. Antes dele, Deivid, para o Flamengo, e Kempes, para o Coelho, fizeram os outros gols da partida.

A vitória afasta a crise da Gávea e coloca a equipe de Vanderlei Luxemburgo na quinta colocação de forma provisória, com 41 pontos. Já o América se mantém no último lugar, com apenas 19.

Na partida entre as duas equipes no primeiro turno do Brasileirão, o Flamengo venceu de virada por 3 a 2. Naquela ocasião, Ronaldinho Gaúcho foi decisivo e fez dois gols. Desta vez, a equipe carioca não contou com o craque, que estava suspenso. E os mineiros pareciam determinados a dar o troco no Rubro-negro, dominando o primeiro tempo de jogo. 

Aos 28 minutos, o meia Luciano foi derrubado na área. Kempes tratou de bater e abrir o placar para o Coelho. Sem reação, o Flamengo ainda foi pressionado e saiu para o intervalo sob as vaias da torcida, no Engenhão. 

Para a segunda etapa, Luxemburgo promoveu três mudanças logo de cara: entraram Deivid, Thomás e Diego Maurício no lugar de Jael, Bottinelli e Maldonado. E as mexidas deram resultado, com a equipe carioca dando muito trabalho para o goleiro Neneca.

Aos 16 minutos, o contestado Deivid aproveitou o cruzamento de Léo Moura e empatou, de cabeça. A partir daí, a pressão do Mengo foi ainda maior. Quando parecia que a bola não iria mais entrar, Thiago Neves, após muito tentar, fez o gol da virada, só aos 43 do segundo tempo. 

No domingo que vem (2), o Flamengo visita o São Paulo, no Morumbi, enquanto o América joga contra o Palmeiras, no sábado (1).

Sem mais artigos