O espanhol Alberto Contador confirmou o título da Volta da Espanha que já havia garantido ontem, na penúltima etapa, ao chegar neste domingo em 54º lugar na prova final, de 115km, entre Cercedilla e Madrid.

Este é o segundo título de Contador na tradicional competição disputada em seu país – o primeiro foi em 2008. A consagração marca em grande estilo o retorno do também bicampeão do Tour de France, que ficou suspenso por dois anos por doping pelo Tribunal Arbitral do Esporte.

A festa espanhola foi completa no pódio, já que o segundo colocado geral foi Alejandro Valverde, da equipe Movistar, e em terceiro ficou Joaquim ‘Purito’ Rodríguez, da Katusha.

Contador, que compete pela Saxo-Bank, não foi o único a comemorar um título neste domingo na Volta. Valverde sagrou-se campeão por pontos e da disputa combinada, e o australiano Simon Clarke, da equipe Orica, foi coroado o “rei da montanha”.

A etapa deste domingo foi vencida pelo alemão John Degenkolb (Argonios), que já havia chegado em primeiro em outras quatro nesta edição. Em segundo e terceiro ficaram, respectivamente, os italianos Elia Viviani (Liquigas) e Daniel Bennati (Radioshack).

“Esta foi uma vitória especial após tudo o que passei e porque custou muito. Quando conseguir algo custa tanto, saboreamos de forma especial”, disse Contador em suas primeiras palavras como campeão da Volta.

Degenkolb vence última etapa e Contador levanta troféu da Volta da Espanha

Sem mais artigos