Em esportes muito visados pela mídia, nem sempre os campeões
são os que recebem a melhor remuneração. A Comissão Atlética de Nevada divulgou
os valores repassados aos atletas do UFC 162, mostrando que Chris Weidman recebeu
quase 13 vezes menos que Anderson Silva.

Enquanto Weidman ganhou ‘só’ US$ 48 mil (R$ 105 mil), Spider
faturou a quantia milionária de US$ 600 mil (R$ 1,32 milhão), o que dá
exatamente 12,5 vezes a mais para o perdedor.

Os lutadores do card principal também tinham um valor
diferente de bônus em caso de vitória. O americano levou mais de US$ 24 mil (R$
54 mil) a mais por ter vencido o lutador brasileiro. Já Anderson, se tivesse
segurado o cinturão, levaria muito mais para casa: US$ 200 mil (R$ 552 mil).

Vale lembrar que os números liberados pela comissão não
levam em conta os prêmios do UFC, seja por luta ou nocaute, nem de
patrocinadores ou quaisquer outros bônus extraoficiais. Além disso, os valores
dos impostos não foram calculados, ou seja, os atletas ainda têm que dar uma
quantia ao fisco americano.

Saiba todas as bolsas dos atletas que participaram da edição
do UFC 162:

Chris Weidman: US$ 48 mil (mais US$ 24 mil do bônus por
vitória)

Anderson Silva: US$ 600 mil

Frankie Edgar: US$ 240 mil (mais US$ 120 mil do bônus por
vitória)

Charles do Bronx: US$ 21 mil

Tim Kennedy: US$ 90 mil (mais US$ 30 mil do bônus por vitória)

Roger Gracie: US$ 50 mil

Mark Muñoz: US$ 84 mil (mais US$ 42 mil do bônus por
vitória)

Tim Boetsch: US$ 37 mil

Cub Swanson: US$ 58 mil (mais US$ 29 mil do bônus por
vitória)

Dennis Siver: US$ 33 mil

Andrew Craig: US$ 24 mil (mais US$ 12 mil do bônus por
vitória)

Chris Leben: US$ 51 mil

Norman Parke: US$ 30 mil (mais US$ 15 mil do bônus por
vitória)

Kazuki Tokudome: US$ 8 mil

Gabriel Napão: US$ 58 mil (mais US$ 29 mil do bônus por vitória)

Dave Herman: US$ 23 mil

Edson Barboza: US$ 46.000 mil (mais US$ 23 mil do bônus por
vitória)

Rafaello Trator: US$ 14 mil

Brian Melancon: US$ 16 mil (mais US$ 8 mil do bônus por
vitória)

Seth Baczynski: US$ 16 mil

Mike Pierce: US$ 56 mil (mais US$ 28 mil do bônus por
vitória)

David Mitchell: US$ 10 mil

Derrota no UFC 162 rendeu R$ 1,32 milhão a Anderson Silva; Weidman levou ‘só’ R$ 105 mil

Sem mais artigos