O técnico da França, Didier Deschamps, reconheceu nesta sexta-feira que a Espanha é a principal candidata a ficar com a primeira posição do grupo I das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2014, o mesmo dos ‘Bleus’ e considerou que a ‘Fúria’ está à frente das outras seleções.

“A Espanha é a favorita da chave, é a equipe que domina a Europa e o mundo há mais de quatro anos. A distância dos espanhóis para os outros continua sendo grande”, afirmou o treinador em entrevista ao jornal francês “Le Monde”.

Apesar de reconhecer o favoritismo da ‘Fúria’, Deschamps declarou que sua equipe lutará pelo primeiro lugar do grupo, o que evitaria uma repescagem.

Nas Eliminatórias para o Mundial de 2010, a França ficou em segundo em sua chave e só se classificou eliminando a Irlanda em dois jogos, num confronto em que precisou da prorrogação e de um gol em que Thierry Henry conduziu a bola com a mão.

“O objetivo não é terminar em segundo. O que eu disse aos jogadores é que para terminar em primeiro, não dependemos apenas de nós”, revelou o técnico, capitão dos ‘Bleus’ na vitória por 3 a 0 sobre o Brasil na final da Copa de 1998.

Para o técnico francês, o jogo que a França disputará contra a Espanha no estádio Vicente Calderón, no próximo dia 16, “é o verdadeiro teste” que a equipe terá. Ele também considerou que a classificação francesa depende muito dos dois jogos contra os comandados de Vicente Del Bosque, mas fez uma ressalva.

“É preciso pensar nos jogos contra Belarus, Finlândia e Geórgia, para assegurar pelo menos a repescagem”, ponderou.

Sem mais artigos