O sérvio Novak Djokovic aumentou sua conta de vitórias consecutivas em Grand Slams para 23 ao derrotar nesta quarta-feira o esloveno Blaz Kavcic por 6-0, 6-4 e 6-4 na segunda rodada do torneio de Roland Garros.

O tenista número 1 do mundo, campeão de Wimbledon e do US Open no ano passado, e do Aberto da Austrália em 2012, continua sem ceder um set sequer em Paris. Após vencer com facilidade o italiano Potito Starace em sua estreia, hoje ele também não deu chances a Kavcic, 99º colocado no ranking da ATP, e avançou à terceira rodada. Na próxima fase, ele vai enfrentar o vencedor do duelo entre o francês Nicolas Devilder e o alemão Michael Berrer.

Já Kavcic chegou a Paris após fazer uma grande campanha no Brasil: conquistou o título do torneio challenger de São Paulo, foi finalista no de Florianópolis e semifinalista em Blumenau, todos eles no saibro.

Também nesta quarta, pela chave masculina do torneio, o argentino Juan Martín del Potro sofreu, mas conseguiu vencer o francês Edouard Roger-Vasselin, 82º do mundo, por 6-7(5), 7-6 (3), 6-4 e 6-4 em 3 horas e 39 minutos. ‘Delpo’ terá como próximo adversário o croata Marin Cilic, que eliminou em três sets (7-6(4), 6-2 e 6-3) o espanhol Juan Carlos Ferrero.

Já na chave feminina, a bielorrussa Victoria Azarenka, líder do ranking da WTA e que penou para vencer a italiana Alberta Brianti em sua estreia, mostrou seu melhor jogo contra a alemã Dinah Pfizenmaier e a derrotou por um contundente duplo 6-1. Azarenka medirá forças com a canadense Aleksandra Wozniak, que bateu a chinesa Jie Zheng por 6-2 e 6-4. 

Sem mais artigos