O sérvio Novak Djokovic é o novo “rei” do tênis mundial. Nesta sexta-feira (1º), ele venceu o francês Jo-Wilfried Tsonga por 3 sets a 1, parciais de 7/6(4), 6/2, 6/7 (9-11) e 6/3. Com o resultado, além de avançar à final de Wimbledon, ele ainda se tornará, a partir de segunda-feira, o líder do ranking da ATP.

Para vencer, porém, foi necessária uma boa dose de esforço. Após ganhar os dois primeiros sets, Djoko teve uma quebra devolvida e perdeu em um longo tie-break. Depois, com a cabeça no lugar, voltou a apresentar um tênis de alto nível e não deu chance para o francês.

Agora, contra o vencedor da partida entre Rafael Nadal e Andy Murray, Djokovic tentará, domingo, seu primeiro título na grama e de Grand Slam fora da Austrália. Seja quem for, será protagonista de uma final inédita.

Sem mais artigos