O atacante argentino Carlitos Tévez, que viajou para Buenos Aires envolvido na polêmica com o Manchester City, ganhou no país um torneio de golfe para profissionais e torcedores, informou neste sábado a imprensa local.

De acordo com a revista “Perfil”, Tévez, que atua no clube inglês desde 2009, conquistou em Buenos Aires o Grande Prêmio dos Pingüins, uma competição na qual fez dupla com o jogador de golfe Sebastián Fernández a convite de outro golfista, Andrés Romero.

O atacante do City, de 27 anos, está com sua família na província de San Isidro, em Buenos Aires, depois de ter chegado à capital argentina dias atrás sem a permissão do clube inglês.

“Ele joga muito bem (golfe), dá para ver que pratica lá na Inglaterra. Não o conhecia e me deparei com uma pessoa muito humilde. Tratei de ajudá-lo. Não disse nada de seus problemas com seu clube, mas me chamou a atenção pela paz que tinha. Até deu autógrafos entre uma jogada e outra”, disse Fernández.

A novela entre Tévez e o City começou meses atrás, quando o jogador confirmou em várias ocasiões seu mal-estar por jogar no time do Manchester. A situação agravou quando o atacante se negou a entrar em campo em uma partida da Liga dos Campeões, em setembro.

Desde então, Tévez não voltou a ser relacionado pela equipe, embora o técnico do time, o italiano Roberto Mancini, tenha oferecido a oportunidade do jogador voltar a jogar se pedisse perdão por seu comportamento, mas o argentino se negou.

Na semana passada, após aceitar uma multa de duas semanas sem salário (mais de 500 mil euros), o atacante voltou à Argentina para “ver a sua família”, segundo um de seus representantes.

“Não acho” que Tévez volte a jogar, disse Mancini na sexta-feira.

Sem mais artigos