A repercussão em torno do encerramento da carreira do Fenômeno Ronaldo fez a presidente da República, Dilma Rousseff, emitir uma nota, na noite desta segunda-feira, em que destaca o brilho de “um dos jogadores mais talentosos do mundo” e “até hoje, o maior artilheiro de Copas do Mundo” ao longo dos 18 anos como atleta profissional.

Além ser o goleador de todos os mundiais e ter conquistado duas Copas do Mundo, Ronaldo ainda ganhou três vezes o prêmio de melhor jogador do mundo, em 1997, 1998 e 2002.

Eternamente grata ao artilheiro, Dilma lembrou os recorrentes momentos de superação de Ronaldo.

Leia na íntegra a nota do Palácio do Planalto sobre a aposentadoria de Ronaldo dos gramados:

“Mensagem da Presidenta Dilma Rousseff, por ocasião do anúncio do encerramento da carreira profissional do jogador Ronaldo.

Neste momento de despedida, quero enviar minha saudação ao jogador Ronaldo Luís Nazário de Lima, um brasileiro que se tornou Fenômeno. Um dos jogadores mais talentosos da história do futebol, Ronaldo conquistou dois Mundiais com a Seleção Brasileira e é, até hoje, o maior artilheiro de Copas do Mundo. Em plena atividade, o jogador, que foi um exemplo de superação, já tinha se tornado uma verdadeira lenda. Todos nós, brasileiros, seremos eternamente gratos pelas alegrias que ele nos proporcionou e pelo que fez em prol do prestígio do Brasil no mundo dos esportes.

Dilma Rousseff,

Presidenta da República Federativa do Brasil”.

Sem mais artigos