O líbero Sérgio Escadinha anunciou nesta sexta-feira que não pretende mais vestir as cores da seleção brasileira de vôlei.

Em entrevista ao ‘SporTV’, o jogador, que foi titular absoluto da equipe de Bernardinho, alegou que o momento da seleção é de renovação e por isso está deixando espaço para os mais novos.

“Já conversei com ele (Bernardinho). A minha intenção é não continuar na seleção. Já dei minha contribuição, e não sei se eu seria mais útil. A seleção vem conquistando muito e precisa ser renovada”, afirmou.

Escadinha já não está no melhor de sua forma e sofre com dores no corpo. Em fevereiro deste ano, ele chegou a declarar que às vezes não aguenta o ritmo atual de partidas. 

Serginho pretende continuar atuando pelo Sesi (SP), seu atual clube. O líbero atingiu o ápice da carreira em 2009, quando foi eleito o melhor jogador da Liga Mundial daquele ano. No seu currículo pela seleção também constam títulos de Olimpíadas, Liga Mundial e Campeonato Mundial.

Escadinha anuncia aposentadoria da seleção brasileira

Sem mais artigos