Com contrato firmado com o Chelsea somente até o meio deste ano, ou seja, até o final da temporada, Samuel Eto’o, porém, ainda tem muita lenha para queimar e, aos 32, deve ter mais alguns anos jogando em alto nível. Só que o astro camaronês revelou que o seu filho espera um fim de carreira no Mallorca, clube em que o atacante jogava quando foi pai do garoto.

A informação foi concedida em entrevista à rádio espanhola Cadena Ser nesta terça-feira (21), quando o camaronês foi indagado se preferiria atuar em um dos três primeiros colocados do Campeonato Espanhol: Barcelona, Real Madrid ou Atlético de Madrid.

“Sempre gostarei do Barça, mas eu prefiro o Mallorca”, disse o jogador.

Eto’o começou a carreira no Real, mas se destacou no Mallorca, sendo então contratado pelo Barcelona, onde ratificou o status de craque.

O clube da Ilha Baleárica, porém, foi rebaixado na última La Liga, fato que vem acontecendo nos últimos anos, com o time subindo e descendo da elite espanhola.

E, talvez, o camaronês um dia realmente volte para a Espanha, já que disse sentir falta do que tinha em sua época de Mallorca e Barcelona, sem nem citar o time da capital que o revelou.

“Eu sinto falta de tudo por lá. Tenho saudade dos meus colegas de time, dos meus amigos, de Barcelona, do clima, do presunto… tudo!”, contou.

Para finalizar a entrevista, o artilheiro teve que responder por quanto tempo deverá permanecer nos Blues e quando realmente voltará para o Mallorca.

“No momento, tenho uma temporada e pretendo aproveitar, depois eu verei isso”, deixou no ar.

Sem mais artigos