Contratado pelo Boston Celtics para a próxima temporada, o pivô brasileiro Vítor Faverani se despediu do Valencia Basket nesta quarta-feira (24) e garantiu que não teria deixado a equipe espanhola se não fosse para disputar a NBA, o que ele disse ser “um sonho realizado”.

“A oportunidade apareceu e não pensei duas vezes. Se não fosse para cruzar o Atlântico, não teria deixado o Valencia, mas chegou o momento de realizar um sonho”, disse Faverani, que despertou o interesse de muitos clubes europeus.

“Estou ansioso, mas acho que só me darei conta do que está acontecendo quando disputar minha primeira partida. Acredito que irei bem”, acrescentou.

O pivô se disse grato ao Valencia pelos dois anos em que defendeu a equipe, pela qual foi contratado em 2011 junto ao Múrcia. Ele estava no basquete espanhol desde 2005.

“Agradeço ao Valencia por ter me dado a oportunidade de jogar na elite. Todo o agradecimento do mundo é pouco. Meu coração será sempre um pouco do Valencia. Não há palavras para descrever o apoio e o carinho que me foi demonstrado a cada dia”, enalteceu o atleta, que não descarta uma volta à equipe espanhola.

“O presidente me disse que esta será sempre minha casa e que se um dia eu voltar à Europa me darão a oportunidade de voltar. Com certeza ficaria encantado”, revelou.

Faverani se despede do basquete espanhol para disputar NBA: "sonho realizado"

Sem mais artigos
Sair da versão mobile