O suíço Roger Federer, número um do mundo, chegou pela sétima vez na final do torneio da Basileia, ao derrotar o francês Paul-Henri Mathieu, por 2 sets a 0, com parciais de 7-5 e 6-4, neste sábado. 

Federer, que chega à final de domingo com 33 vitórias em 34 partidas disputadas na Basileia, perdeu apenas em 2009, para o sérvio Novak Djokovic. Neste ano, o suíço disputará o título com o argentino Juan Martín del Potro.

O número um do mundo precisou de uma hora e 25 minutos para derrotar o francês, de quem nunca perdeu. Já são seis vitórias contra Mathieu.

A final da Basileia é nona do ano para Federer, que ganhou seis títulos – Wimbledon, Cincinnati, Madri, Indian Wells, Dubai e Roterdã.

Roger Federer terá como adversário o argentino Juan Martín del Potro, que já havia superado o também francês Richard Gasquet por 2 sets a 0, em 67 minutos de partida.

O tenista argentino, oitavo do mundo, só superou o suíço em duas das 15 partidas que jogaram, e ambas as vitórias aconteceram em 2009.

Neste ano, os dois tenistas se enfrentaram em seis oportunidades, todas vencidas por Federer, incluindo a final do torneio de Roterdã.

Sem mais artigos