A Fifa obteve um resultado positivo de US$ 631 milhões no balanço do período entre 2007 e 2010, segundo o relatório de finanças 2010 apresentado ao Comitê Executivo da entidade, reunido nesta quinta e nesta sexta-feira em Zurique.

No encontro, também ficou definido que o Canadá organizará a Copa do Mundo de futebol feminino em 2015. Segundo o relatório, entre 2007 e 2010, a Fifa obteve receitas de US$ 4,189 bilhões e despesas que chegaram a US$ 3,558 bilhões, com um resultado total de US$ 631 milhões de lucro, o que, segundo a entidade, “demonstra que a Copa do Mundo da África do Sul foi um grande sucesso”.

“(O saldo positivo) permitiu à Fifa dar continuidade aos seus programas de desenvolvimento do futebol e à organização de competições e eventos ligados ao esporte”, afirma texto publicado no site da entidade presidida por Joseph Blatter.

O Comitê Executivo confirmou o alemão Franz Beckenbauer como presidente da Força-Tarefa Futebol 2014, um grupo de trabalho que se ocupará de concretizar propostas para melhorar o esporte em âmbitos como as regras do jogo, a arbitragem, os regulamentos das competições, o futebol feminino, os assuntos relacionados à medicina esportiva e o fair play.

Também foi aprovado o Regulamento dos Jogos entre Seleções, que garantirá que as partidas entre as principais seleções sejam transparentes e eficientes.

Entre outras decisões, o Comitê chegou a um acordo para definir sedes de torneios organizados pela Fifa. O Mundial Sub-20 de 2013 acontecerá na Turquia, e o de 2015, na Nova Zelândia; quanto Sub-17, o de 2013 será organizado pelos Emirados Árabes, e o de 2015, no Chile.

Nas competições femininas, o Canadá organizará o Mundial Sub-20 de 2014 e o principal de 2015; o Uzbequistão, o Mundial Sub-20 de 2012; e a Costa Rica, o Mundial Sub-17 de 2014.

Sem mais artigos