O vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, afirmou nesta terça-feira aos meios de comunicação italianos que o Milan não está interessado no retorno de Kaká.

Galliani também descartou outro dos rumores que circula na imprensa italiana ao explicar que o Real Madrid não fez oferta alguma pelo ganês Kevin Prince Boateng.

“O assédio do Real Madrid a Boateng existiu apenas nos jornais. Houve alguns contatos, mas nada importante”, garantiu Galliani.

O vice-presidente do clube italiano também destacou que não existe nenhuma possibilidade que Kaká volte ao Milan, pois “tem um custo tão alto que é impossível que saia da Espanha e ainda tem três anos de contrato a condições altíssimas”.

“Poderia ir para outros países, mas não à Itália, onde custaria o dobro”, comentou Galliani.

O vice-presidente do Milan também se disse “tranquilo” agora que o presidente e proprietário do clube, Silvio Berlusconi, declarou que o brasileiro Thiago Silva não será vendido ao Paris St Germain, que ofereceu US$ 58 milhões pelo zagueiro.

Sem mais artigos