Fabiano Freitas foi revelado pelo São Paulo após início nas categorias de base do Rio Branco de Americana. Sem espaço no clube do Morumbi, foi emprestado a Toledo-PR, Santo André e América-RN, até que foi vendido a Portugal. No Olhanense chamou a atenção do Porto e após passar algumas temporadas no time B, agora tem ganhado chances, e foi destaque na última partida do time pela Taça de Portugal, contra o rival Sporting de Lisboa.

Helton, então titular, ficou ameaçado pelo colega 10 anos mais jovem, e acendeu a questão de quem deve atuar na meta portista, polêmica então mantida pela mídia do país. O técnico Paulo Fonseca já deixou claro que manterá o jovem de 25 anos como titular, pelo menos a curto prazo.

“Confirmo que o Fabiano vai continuar na baliza. Mas custa-me ver o que se tem dito sobre o Helton”, criticou o treinador, segundo matéria do site português Mais Futebol, direcionando o tema à imprensa, que coloca o ex-goleiro do Vasco da Gama mais próximo da aposentadoria.

“O que o Fabiano fez não é surpresa. É um goleiro de grande qualidade. Estamos tranquilos em relação a essa posição, mas o Helton está longe de terminar a carreira. Aliás, o Helton também se tem apresentado em um bom nível porque o Fabiano o obriga a isso”, garantiu Fonseca.

Fabiano, então, estará na equipe principal que joga neste sábado (04) as oitavas de final da Taça de Portugal contra o Atlético, da segunda divisão, no Estádio do Dragão.

Sem mais artigos