A empresa americana Hanse Golf Course Design, associada à golfista Amy Alcott, foi escolhida nesta quarta-feira (7) para projetar o campo de golfe em que será disputada a modalidade nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016, segundo o Comitê Organizador do evento.

O vencedor do concurso internacional promovido para selecionar o responsável pela construção da instalação foi anunciado nesta quarta-feira em entrevista coletiva, da qual participaram o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, o presidente do Comitê Organizador e do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman, e integrantes de uma delegação do Comitê Olímpico Internacional (COI), que visita a cidade nesta semana.

A Hanse Golf Course Design venceu outros sete finalistas no concurso promovido pelo Comitê Organizador para escolher o responsável pelo campo de golfe.

“Por marcar o retorno do golfe aos Jogos Olímpicos após mais de um século, este local representará um novo capítulo na história do esporte. A instalação habilitará a cidade a receber torneios importantes no calendário internacional”, declarou Nuzman.

O projeto apresentado garante um legado para o Rio de Janeiro, devido ao “upgrade” que uma academia de golfe permitirá para o desenvolvimento do esporte na cidade, segundo nota oficial da organização do evento.

O vencedor foi eleito por um júri do qual fizeram parte, além de Nuzman, o presidente da Federação Internacional de Golfe, Peter Dawson.

O campo de golfe será construído em um terreno na Reserva de Marapendi, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, em uma região em que será concentrada a maioria das instalações para os Jogos do Rio.

A instalação está localizada a 5 quilômetros da Vila Olímpica e a 7 quilômetros do Centro Internacional de Imprensa. O campo será usado como uma instalação pública destinada a promover o golfe no Brasil e em toda a América do sul.

Sem mais artigos