<br>
Formado como um clube-empresa, o Guaratinguetá tem como objetivo ser uma espécie de vitrine para destacar e vender jogadores. Classificado na primeira colocação para a semi-final do Campeonato Paulista, vários jogadores já receberam sondagens, principalmente os destaques Michel e Alessandro. O gerente de futebol, Eduardo Ferreira, avisa: "O time todo é negociável".

"O clube é uma empresa e visa o lucro. Se a proposta for boa para o time e para o jogador, nós o vendemos", afirma o dirigente. Com alguns jogadores do elenco se destacando é natural que apareçam times interessados em comprar os passes deles.

"Vários jogadores já foram sondados. Clubes da Série A do Brasileirão estão interessados. Mas, por enquanto, não há nada de concreto. Já recebemos propostas pelo Michel e pelo Alessandro, de clubes e de empresários", declara o gerente de futebol.

O Guaratinguetá é o grande azarão do Campeonato Paulista. Com 37 pontos, o clube se classificou em primeiro lugar e pega na semi-final a, também do interior, Ponte Preta. Vale lembrar que o time da Barra do Garça tem a vantagem do empate.

LEIA MAIS
<a target=_blank href=http://www.virgula.com.br/esporte/novo/nota.php?ID=24563>Com mescla de jogadores, Guará é a sensação do Paulistão

Guará à venda: 'O time todo é negociável', diz dirigente

Sem mais artigos