Eleito o melhor técnico de 2012 pela Fifa por conta do seu trabalho feito no Barcelona de Messi, Xavi e Iniesta, o espanhol Pep Guardiola, do Bayern de Munique, segundo estudo realizado pela Pluri Consultoria, é atualmente o treinador mais bem pago do mundo. Superando nomes como José Mourinho, do Chelsea, Marcelo Lippi, do Guangzhou Evergrande e Carlo Ancelotti, do Real Madrid, ele recebe cerca de € 17 milhões (quase R$55 milhões) brutos por temporada.

Pra se ter uma ideia da disparidade do valor recebido por Guardiola atualmente, o espanho fatura sozinho, por exemplo, mais do que 18 treinadores da primeira divisão do Campeonato Espanhol juntos. Ancelotti e Tata Martinho, técnicos de Real Madrid e Barcelona, são as únicas exceções, com vencimento na casa dos € 7,5 milhões (R$24,4 milhões) e € 5,4 milhões (R$ 17,58 milhões) por ano.

Arsène Wenger, do Arsenal, Fabio Capello, da seleção russa, David Moyes, do Manchester United, Jürgen Klopp, do Borussia Dortmund, e Manuel Pellegrini, do Manchester City, completam a lista dos 10 treinadores mais bem pagos do mundo.

Veja na lista abaixo os valores atualizados dos treinadores mais bem pagos do futebol:

  1. Pep Guardiola – Bayern de Munique: € 17 milhões (R$ 55 milhões)
  2. José Mourinho – Chelsea: € 10,03 milhões (R$ 32,6 milhões)
  3. Marcello Lippi – Guangzhou: € 10 milhões (R$ 32,56 milhões)
  4. Arsene Wenger – Arsenal: € 8,2 milhões (R$ 26,7 milhões)
  5. Fabio Capello – Rússia: € 7,8 milhões (R$ 25,4 milhões)
  6. Carlo Ancelotti – Real Madrid: € 7,5 milhões (R$ 24,4 milhões)
  7. David Moyes – Manchester United: € 5,9 milhões (R$ 19,2 milhões)
  8. Gerardo Martino – Barcelona: € 5,4 milhões (R$ 17,58 milhões)
  9. Jürgen Klopp – Burssia Dortmund: € 4,3 milhões (R$ 14 milhões)
  10. Manuel Pellegrini – Manchester City: € 4,1 milhões (R$ 13,35 milhões)
Sem mais artigos