O presidente de honra da Fifa, João Havelange, resolveu se manifestar sobre a recente polêmica envolvendo o presidente da CBF e seu ex-genro, Ricardo Teixeira, e a “TV Globo”. Em entrevista à revista “Poder” do mês de setembro, o mandatário contestou uma matéria recente veiculada pela emissora carioca sobre denúncias contra Teixeira.

“Por que isso? Porque mudou horário de jogo. O Ricardo só não serve na hora que não faz as vontades. Enquanto interessou à Globo, era um gênio. No dia em que ele quis tomar uma medida que poderia ferir a emissora, ela se volta contra ele”, afirmou Havelange, de acordo com a coluna de Mônica Bergamo, da “Folha de S. Paulo”.

Como resposta, a Central Globo de Comunicação disse que “o jornalismo da TV Globo é absolutamente independente e não existe quem possa influenciar a sua linha editorial, baseada sempre em critérios de correção e isenção. Objetivamente, nunca deixamos de noticiar qualquer fato relevante envolvendo a CBF ou qualquer outra entidade. Quem acompanha nosso noticiário, incluindo o mais recente, sabe que isso não procede”.

João Havelange sai em defesa de Ricardo Teixeira e ataca Rede Globo

Sem mais artigos
Sair da versão mobile