Um dos principais jogadores do Pittsburgh Steelers, o running back Rashard Mendenhall perdeu um de seus patrocinadores após fazer comentários sobre a morte de Osama Bin Laden em seu Twitter.

Em sua página, Mendenhall questionou a população americana por celebrar a morte do terrorista e cogitou uma teoria conspiratória sobre os atentados de 11 de setembro por parte do governo dos Estados Unidos.

“Que tipo de pessoa celebra a morte? É incrível como as pessoas podem odiar um homem que nunca tinham sequer ouvido falar. Nós só ouvimos um lado”, escreveu o atleta. “Eu tenho dificuldades em acreditar que um avião poderia ter demolido um arranha-céu”, completou.

Com isso, a Champion, fornecedora de material esportiva do jogador, é apoiadora de ações antiterroristas e encerrou o contrato por conflito de interesses.

No entanto, o problema com a marca não foi o único a afetar Mendenhall. O presidente do Pittsburgh Steelers afastou o atleta do grupo.

Jogador do Pittsburgh Steelers perde patrocínio por questionar celebração da morte de Bin Laden

Sem mais artigos