Pelo menos 20 integrantes da seleção venezuelana de futebol, entre jogadores e membros da comissão técnica, sofreram uma intoxicação que dificultou o último treino comandado pelo técnico César Fariás antes da viagem para Santiago, onde a equipe enfrentará o Chile pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014.

“Ontem à noite, começamos a ter um problema estomacal em 20 pessoas dentro da seleção. Algo que não estava em condições ideais nos fez mal”, disse Farías em entrevista coletiva antes da vitória para território chileno.

“O treino de ontem à noite foi bastante prejudicado porque muitos jogados tiveram que se ausentar. Mas acredito que é algo pelo qual passaremos sem nenhum problema”, acrescentou.

A seleção venezuelana é sexta colocada nas eliminatórias, com 16 pontos, mesmo número que o Uruguai, quinto colocado, que disputaria uma repescagem contra um representante asiático caso a classificatória terminasse hoje.

Sem mais artigos