O zagueiro John Terry, um ano depois do escândalo sexual em que foi descoberto sua relação extra-conjugal com a modelo Vanessa Perroncel, então mulher do lateral Wayne Bridge, ex-companheiro de Chelsea e da seleção da Inglaterra, está de volta à ativa.

O treinador do English Team, Fabio Capello, anunciou, neste domingo, que ele irá reassumir a braçadeira de capitão, o que deixou o zagueiro Rio Ferdinand, do Manchester United, chateado por ter perdido o privilégio. Capello minimizou o fato, afirmando que irá conversar pessoalmente com o ex-capitão.

Sobre Terry, Capello afirmou que tudo seguiu como previsto: “logo depois do que aconteceu, decidi que John Terry, depois de um ano de castigo, voltaria a ser o capitão permanente. Ele entendeu seu erro e aprendeu com isso. Será um capitão muito importante para nós porque quando o elegi eu sabia que era um líder”.

Sem mais artigos