O norte-americano Jon Jones, desafiante de Maurício Shogun na disputa do cinturão dos meio-pesados do UFC, não poderia estar mais confiante na vitória. Faltando pouco mais de uma semana para o combate, Jones afirmou que sabe tudo sobre o estilo de luta do brazuca e que também não teme o adversário.

“Vou ganhar a luta porque sou obcecado pelo Shogun. Estudei tudo o que ele faz. Sei como ele dá seus socos e a hora em que faz isso. Não há nada sobre ele que eu não saiba. Por isso, o cinturão será meu na semana que vem”, afirmou o norte-americano em entrevista coletiva.

Jon Jones realmente conhece a rotina de Shogun. Isso porque ele treina com Rashad Evans, que iria lutar contra o brasileiro mas se machucou. Por conta disso, nos últimos meses o jovem de 23 anos se dedicou a imitar com perfeição o estilo do atual campeão da categoria para ajudar o companheiro.

Com a lesão de Rashad, quem ganhou a chance de enfrentar Shogun foi o próprio Jon Jones, depois que passou por Ryan Bader.

Ao contrário do adversário, Shogun foi bem mais comedido quando falou sobre a luta. Ele deixou claro que está pronto para o combate mesmo depois de ficar dez meses afastado do octógono por uma cirurgia no joelho que fez após a vitória sobre Lyoto Machida, antigo campeão da categoria.

“Fiquei treinando seis meses só para lutar, estou 100%. Estou preparado para todas as áreas, a luta em pé, o wrestling, o jiu-jitsu… Ele merece a chance pelo cinturão e vamos ver quem é o melhor no dia da luta”, disse Shogun.

O UFC 129 será disputado no próximo dia 19, em Nova Jérsei (EUA).

Sem mais artigos