O presidente Luiz Inácio Lula da Silva brincou nesta sexta-feira (4) sobre a permissão dada pelo técnico da seleção argentina, Diego Maradona, para que os jogadores possam ter relações sexuais nos horários livres durante a Copa do Mundo da África do Sul.

“É o esporte e o sexo a moda agora. Me parece que o único técnico que adotou a moda foi o Maradona. Eu quero ver jogador argentino chegar lá trançando as pernas e o Brasil vai ganhar essa Copa do Mundo”, afirmou Lula durante a 3ª Conferência Nacional do Esporte.

A decisão de Maradona de permitir que as namoradas e esposas dos jogadores estejam hospedadas no mesmo lugar da seleção argentina foi respeitada, mas não compartilhada por seu colega brasileiro Dunga.

Nesta semana, em entrevista coletiva na África do Sul, Dunga manifestou que, nos horários livres dos jogadores, “cada um faz o que quiser”, mas disse que “nem todo mundo gosta de sexo, vinho e sorvete”.

Na Conferência em Brasília, na qual foram homenageados vários atletas, Lula reconheceu ter errado sobre a proposta de modificar a Lei Pelé, permitindo a ex-atletas substituírem profissionais de educação física e darem aulas como monitores nas escolas.

Sem mais artigos