Em evento nessa quinta-feira (16) em Buenos Aires, o ex-presidente Lula, em evento de inauguração da Universidade Metropolitana para a Educação e o Trabalho (Umet), não deixou de comentar a eliminação de seu clube do coração, o Corinthians, para o Boca Juniors, e ainda cornetou a arbitragem da partida de quarta-feira (15).

“Estou um pouco nervoso porque ontem (quarta-feira) o Boca, certamente com uma ajudinha de um juiz paraguaio… Bom, não dá para ganhar tudo”, disse na entrevista coletiva, em que também estava presente a comandante em chefe da Argentina, Cristina Kirchner.

Apesar do desagrado com o juiz do duelo, Carlos Amarilla, Lula, depois, mostrou que está por dentro do calendário esportivo, colocando o Timão entre os melhores clubes do mundo.

“Nenhum dos três principais times do mundo ganharam as competições mais importantes: Barcelona, Real Madrid e Corinthians”, lembrou.

 

 

Sem mais artigos