<p>A informa&ccedil;&atilde;o foi confirmada por J&uacute;lio Grondona, presidente da Associa&ccedil;&atilde;o do Futebol Argentino (AFA). O &iacute;dolo substituir&aacute; Alfio Basile, que pediu demiss&atilde;o ap&oacute;s s&eacute;rie de resultados ruins nas eliminat&oacute;rias para a Copa do Mundo de 2010.</p>
<p>&nbsp;</p>
<p>Antes do an&uacute;ncio oficial, o craque esteve reunido durante toda a tarde desta&nbsp;ter&ccedil;a-feira com o presidente da AFA e Carlos Bilardo, t&eacute;cnico campe&atilde;o mundial em 1986, que ser&aacute; o novo diretor de sele&ccedil;&otilde;es. &quot;Ficou claro na conversa (com Grondona) que o&nbsp;time escalo eu.&nbsp;Vou escutar Carlos (Bilardo) sobre tudo, n&atilde;o se pode descartar um homem que sabe tanto&quot;, afirmou Dieguito em entrevista &agrave; r&aacute;dio <em>La Red</em>, de Buenos Aires.</p>

Sem mais artigos