Com 30 minutos avassaladores, o Paris Saint-Germain bateu o Benfica por 3 a 0, no Parc des Princes, e obteve sua segunda vitória na Liga dos Campeões da Europa, se isolando assim na ponta do grupo C; no duelo de líderes no grupo D, Shakhtar Donetsk e Manchester United empataram em 1 a 1.

Um dos nomes mais importantes da vitória da equipe da capital francesa foi o zagueiro Marquinhos. Um dos seis brasileiros a começar jogando (os outros foram Alex e Maxwell, pelo PSG, e Artur, Luisão e Guilherme Siqueira pelo clube português), o ex-corintiano fez o segundo gol da partida e seu segundo gol na competição continental.

Outro protagonista da noite em Paris foi o sueco Zlatan Ibrahimovic, que havia passado em branco na rodada de estreia da Champions, fez seus dois primeiros gols na competição. Com o resultado, o PSG chegou aos seis pontos, sendo seguido por Benfica e Olympiacos, que têm três, e Anderlecht, que está zerado.

Jogando por música, o time francês se mostrou absoluto na primeira meia hora de jogo, sempre com boas tramas ofensivas. O placar do jogo foi aberto por Ibrahimovic logo aos 5 minutos de jogo, de cabeça, após cruzamento de Van der Wiel da direita.

Aos 25 minutos, foi a vez de Marquinhos voltar a marcar na Liga dos Campeões. O atacante sueco iniciou a jogada com passe de calcanhar para Verratti, que colocou Matuidi na rodada. O volante cruzou e Marquinhos chegou chutando forte, estufando as redes de Artur.

Mais cinco minutos, e Ibrahimovic marcou seu segundo gol na partida, desta vez aproveitando escanteio cobrado pelo brasileiro naturalizado italiano Thiago Motta, e cabeceando para o gol, ampliando a implacável vitória do PSG, em Paris.

Na Bélgica, quem se deu bem foi o Olympiacos, que derrotou o Anderlecht por 3 a 0, com direito a hat-trick do atacante Kostas Mitroglou. A equipe grega assim, conquistou sua primeira vitória na competição.

Pelo grupo A, os líderes Shakthar Donetsk e Manchester United ficaram no 1 a 1, em jogo disputado na Ucrânia. Danny Welbeck balançou as redes para os visitantes, mas Taison, ex-Internacional, buscou o empate para a equipe da casa.

Em território sempre complicado de atuar, o time inglês abriu o placar aos 18 minutos de jogo, com Welbeck. O inglês completou jogada de Fellaini, contando ainda com falha de Rakitskiy, que “ajeitou” para o atacante inglês encher o pé e abrir o placar.

Na etapa complementar, como não poderia deixar de acontecer, um brasileiro marcou o gol de empate dos donos da casa. Aos 31 minutos, após iniciar jogada, Taison contou com bobeada de Vidic, que rebateu mal uma bola, e bateu com força para marcar, sem dar chances para De Gea.

Com o resultado, as duas equipes estão com quatro pontos, com vantagem para os Diabos Vermelhos pelo número de gols marcados. Logo atrás vem o Bayer Leverkusen, que bateu hoje em casa a Real Sociedad por 2 a 1. Simon Rolfes e Jens Hegeler fizeram para o time alemão. O mexicano Carlos Vela descontou.

Veja todos os resultados da segunda rodada abaixo:

Terça-feira (01):

(Grupo E) Basel 0 x 1 Schalke 04
(Grupo E) Steaua Bucareste 0 x 4 Chelsea
(Grupo F) Borussia Dortmund 3 x 0 Olympique de Marseille
(Grupo F) Arsenal 2 x 0 Napoli
(Grupo G) Zenit 0 x 0 Austria Viena
(Grupo G) Porto 1 x 2 Atlético de Madrid
(Grupo H) Ajax 1 x 1 Milan
(Grupo H) Celtic 0 x 1 Barcelona

Quarta-feira (02):

(Grupo A) Shakhtar Donetsk 1 x 1 Manchester United
(Grupo A) Bayer Leverkusen 2 x 1 Real Sociedad
(Grupo B) Juventus 2 x 2 Galatasaray
(Grupo B) Real Madrid 4 x 0 Copenhagen
(Grupo C) Paris Saint-Germain 3 x 0 Benfica
(Grupo C) Anderlecht 0 x 3 Olympiacos
(Grupo D) CSKA Moscou 3 x 2 Viktoria Plzen
(Grupo D) Manchester City 1 x 3 Bayern de Munique

Sem mais artigos