Já ficou até sem graça (pelo menos para as adversárias). Pela quinta vez consecutiva, a brasileira Marta foi eleita a melhor jogadora do mundo pela Fifa nesta segunda-feira.

“Alguém falou pra mim hoje. Você tem que chorar, porque se você não chorar a emoção não será a mesma. E estou eu aqui chorando” disse Marta em meio a soluços.

“Gostaria de agradecer muito a Deus por tudo o que acontece na minha vida, porque nem em acredito”, completou durante a cerimônia organizada pela Fifa.

Marta bateu as alemãs Birgit Prinz e Fatmire Bajramaj. A atacante é jogadora do FC Gold Pride, na liga norte-americana de futebol, e está emprestada ao Santos.

Banco de reservas

Entre as treinadoras, Silvia Neid, que é técnica da seleção alemã, levou a melhor diante de Pia Sundhage (seleção americana) e Maren Meinert (seleção alemã sub-20).

Sem mais artigos