Principal nome do título da Libertadores 2008 diante do Fluminense, o meia Luís Bolaños, da LDU, foi surpreendido na tarde desta sexta-feira com um tiro no braço. O atleta foi rendido ao lado de sua esposa por dois bandidos que tentaram roubar seu carro. O crime ocorreu na capital equatoriana Quito. Ao tentar reagir, o jogador foi baleado e levado rapidamente para o hospital, onde segue internado, sem risco de morte.

Na busca por escapar dos assaltantes, Bolaños atingiu outro veículo. Enquanto isso, a polícia investiga o fato para saber se foi um crime isolado ou premeditado. A família, que acompanha o jogador no hospital Metropolitano de Quito, preferiu não entrar em maiores detalhes com a imprensa local.

Autor de um dos gols do título da LDU no Maracanã, há três anos, Bolaños teve atuações apagadas por Santos e Internacional durante sua passagem pelo Brasil.

Sem mais artigos