E a novela Ronaldinho segue sem previsão de fim. Após Palmeiras e Grêmio desistirem oficialmente do jogador e o Flamengo ser considerado 99,99% favorito a ficar com o jogador, um novo capítulo apareceu.

Durante o programa “Bate Bola”, da TVCOM (do grupo RBS), o editor de esportes do jornal “Zero Hora”, David Coimbra, revelou que Andrés Sanchez, presidente do Corinthians, se divertiu mostrando mensagens de Assis, empresário do atleta, para convidados do casamento da filha de Mano Menezes, no último sábado (8).

Segundo o jornalista, o conteúdo das mensagens do agente para o mandatário corintiano eram tentativas de negociar com o clube paulista.

Curiosamente, na noite do último domingo (9), Sanchez, durante o programa “Mesa Redonda”, da “TV Gazeta”, reafirmou que a proposta corintiana é de R$ 1,8 milhão pelo atleta.

“Eu pago R$ 1,8 milhão por mês para o Ronaldinho. Só não vou procurar o Assis [empresário] nem o Milan, mas a proposta é oficial. Eles precisam apenas ir ao Parque São Jorge para acertar. Estou lá todos os dias e eles sabem onde fica”, disse o dirigente.

Desespero?

No mesmo dia em que tentou negociar com o Corinthians, Assis teria tentando retomar as tratativas com o Grêmio. Segundo o editor do jornal, o empresário tentou, sem sucesso, uma conversa com os dirigentes do Tricolor.

*Colaboração de Ana Carolina Machado

Sem mais artigos