Segundo o site italiano La Gazzetta dello Sport noticia
nesta quinta-feira (04), o Milan tem praticamente acertada a vinda do
habilidoso meia Keisuke Honda, do CSKA Moscou. O irmão e procurador do japonês,
ao lado de seu representante Ernesto Bronzetti, se reuniram com o diretor
milanês, Adriano Galliani, para acertar os detalhes do contrato, que daria um salário
anual de R$ 7,2 milhões mais um vínculo de quatro anos com o atleta.

No entanto, dificilmente ele se juntará ao elenco no início
da temporada 2013/2014. Além de o Milan preferir esperar o final da relação de
Honda com o clube russo, acertada para dezembro, os rossoneri também precisam
se desfazer de um jogador extracomunitário de seu elenco. Até agora, o mais
próximo nessa situação para ir embora do San Siro é o ganês Kevin-Prince Boateng,
que não recebeu propostas.

Sem mais artigos