Um dos favoritos a vencer o prêmio de melhor técnico de 2010, José Mourinho já sabe quem deve ficar com a conquista. Em entrevista ao jornal “Gazzetta dello Sport”, o treinador português afirmou que ele deve ficar com o prêmio.

“Eu fiz minha escolha, foram 11 meses de trabalho, com 57 partidas jogadas, três títulos conquistados, incluindo o mais importante de todos, a Copa dos Campeões da Europa. Eu ganhei tudo. Eu não podia fazer nada mais do que isto e nem os jogadores”, afirmou.

Com as conquistas da Liga dos Campeões, do Campeonato Italiano e Copa da Itália, Mourinho tem como principal concorrente Vicente Del Bosque que levou a Espanha a sua primeira conquista mundial. Guardiola também está na disputa.

Além de se colocar como favorito, Mourinho aproveitou para cutucar Iniesta, tido como favorito ao prêmio de melhor jogador.

“Se o vencedor for o Iniesta, que infelizmente não pôde jogar nos cinco primeiros meses da temporada, mas depois disto jogou seis jogos e fez um gol na África do Sul, então tudo pode acontecer no ano de Copa do Mundo e o resto, além da final, não conta para nada”, completou.

Sem mais artigos