Após liderar a goleada do Bayern de Munique sobre o Werder Bremen por 7 a 0, pela 15ª rodada do Campeonato Alemão na última sexta-feira, (06), Ribéry ganhou elogios do técnico Pep Guardiola. Na partida, o camisa 7 forçou um gol contra de Lukimya, marcou outros dois e participou das jogadas para Mandzukic e Thomas Müller marcarem os seus – Van Buyten e Götze completaram o placar.

O treinador do Bayern afirmou que o francês não merece apenas estar na lista dos cinco finalistas à Bola de Ouro da FIFA – que será divulgada nesta segunda-feira, (09), -, mas sim vencer o prêmio de melhor jogador do mundo. “Ribéry teve uma temporada incrível no ano passado e neste ano é uma das razões por estarmos onde estamos. Ele merece ganhar esse título, ele e o time ganharam tudo, mas os outros jogadores também são ótimos. Messi ou Cristiano Ronaldo, ou outro jogador, mas a temporada passada para Ribéry foi, sem dúvida alguma, espetacular”, declarou o comandante.

Apesar de torcer para o francês e deixar de lado seus tempos de treinador de Messi, Guardiola dá a entender que a Bola de Ouro não é uma grande obsessão de Ribéry. “Se ele vencer ou não, isso não mudará a vida dele, sua carreira ou nossa opinião sobre ele”, concluiu o técnico. O prêmio será entregue no dia 13 de janeiro, em cerimônia que será realizada em Zurique, na Suíça.

Sem mais artigos