Neymar, do Santos, foi eleito pelo segundo ano seguido como “Rei da América”, em pesquisa realizada pelo jornal uruguaio “El Pais”, que teve resultado divulgado nesta segunda-feira (31).

O atacante da seleção brasileira teve 199 votos na eleição, superando com larga vantagem o peruano Paolo Guerrero, do Corinthians, que ficou na segunda colocação, com 50 votos.

Aliás, a lista dos cinco primeiros foi ocupada apenas por jogadores que atuam no Brasil. Lucas, ex-São Paulo e agora no Paris Saint-Germain, foi o terceiro, e Ronaldinho Gaúcho, do Atlético Mineiro, o quarto, e Fred, do Fluminense, o quinto.

Cerca de 300 jornalistas, de jornais, revistas e agências de notícias do continente, participaram da pesquisa.

Sem mais artigos